Lauf Im Tali Blog

Confira as últimas de nosso blog.

9b5c4aee-fad9-4ad3-88aa-79bc2de96549 (1)

Tudo sobre o Rosh Hashaná, o Ano Novo Judeu

O festival de Rosh Hashaná, também conhecido como Ano Novo Judaico começa amanhã! O ano 5.779 chegou em Israel. 

A celebração de dois dias está repleta de comidas e tradições especiais e é uma das datas mais importantes do calendário judaico, mas quando é que começa e acaba, como é celebrado? Nesse post vou ensinar um pouquinho sobre essa fascinante festa judaica, suas datas e como comemorar.

 Rosh Hashaná ( ראש השנה ) traduz como “a cabeça do ano” em hebraico e é o período em que os judeus observam o fim de um ano e o começo do seguinte. É considerado pelos judeus como o dia em que Deus criou Adão e Eva, e serve como um tempo para celebrar a criação do universo.

Embora o festival seja uma oportunidade de aproveitar o tempo com amigos e familiares, este também é um momento de reflexão e então começa 10 dias de arrependimento pelos pecados cometidos no ano anterior. No final dos 10 dias acontece o Yom Kippur, que é o “Dia da Expiação”, evento que é considerado o dia mais sagrado do calendário judaico e geralmente é gasto em orações e jejum.

 

Quando Rosh Hashaná começa?

Nesse ano a celebração judaica começará ao pôr do sol no domingo, 9 de setembro de 2018. Em vez das típicas celebrações do Ano Novo, que geralmente duram uma noite e um dia, Rosh Hashaná continuará por dois dias até o anoitecer na terça-feira, 11 de setembro de 2018. O Rosh Hashaná começa no primeiro dia de Tishrei, que é o primeiro mês do ano civil judaico, mas o sétimo mês do ano eclesiástico. Ele marca o começo do ano, de acordo com os ensinamentos do judaísmo, porque é o tradicional aniversário da criação de Adão e Eva – o primeiro homem e mulher de acordo com a Bíblia hebraica – e a inauguração do papel da humanidade no mundo de Deus.

 

Como o Rosh Hashaná é celebrado?

A maioria do tempo desses dos dois dias é passado na sinagoga ou em festas com os entes queridos. Em um dos costumes incluem soar um chifre de carneiro oco conhecido como Shofar depois de ler a Torá – o texto religioso judaico. Cerca de 100 explosões podem ser ouvidas durante todo o ano novo na sinagoga, simbolizando o chamado ao arrependimento.

Torá com as escrituras sagradas e o Shofar

 

Os judeus consomem alimentos simbólicos como maçãs e bolos mergulhados em mel, que representam um “ano novo doce”. Cabeças de peixe também são comidas, para simbolizar a cabeça do ano, e romãs, que dizem ter 613 sementes, semelhantes aos 613 mandamentos do santo ensinamento judaico. As velas são acesas à noite e as bênçãos também são recitadas. Outro ritual popular é caminhar até um rio ou córrego e recitar orações especiais de penitência. Depois, alguém joga migalhas de pão no rio, para simbolicamente ignorar os pecados.

Prato típico nas festas de Rosh Hashaná

 

Por que as datas de Rosh Hashaná mudam?

 O Rosh Hashaná é tipicamente celebrado em setembro, embora as datas exatas se movam a cada ano, ao contrário do Ano Novo gregoriano. É baseado no ciclo da lua, enquanto o gregoriano é determinado pelo sol. O festival ocorre 163 dias após o primeiro dia da Páscoa ( Pessach ) e a data exata varia a cada ano. Em termos do calendário gregoriano, a data mais próxima em que Rosh Hashaná pode cair é em 5 de setembro, como aconteceu em 1842, 1861, 1899 e 2013. A última data gregoriana que Rosh Hashaná pode ocorrer é 5 de outubro, como aconteceu em 1815, 1929 e 1967, e acontecerá novamente em 2043.

Romãs, muito consumidas nessa época de festividade

 

Se você não é muito ligado ao judaísmo com certeza tudo citado acima parece um tanto estranho ou no mínimo diferente, certo? Particularmente eu comemoro o Rosh Hashaná, (não, não sou judia se você pensou isso), mas vejo muitas belezas nessa festa que todos podemos trazer para nossas vidas, minhas compras para amanhã já estão feitas, maças, mel, romãs, mas além da parte física a parte mais importante é a que os olhos não veem. Eu considero o feriado como uma chamada do despertar espiritual, espelhada pelo sopro do Shofar ou pelo chifre de carneiro. Esse chamado de despertar é um convite, muito parecido com o feriado secular de Ano Novo, para abandonar velhos hábitos e estabelecer intenções para os meses e anos vindouros.

Se você quer comemorar comigo siga essas cinco etapas para ter um Rosh Hashaná significativo, (e essas são práticas que pessoas de todas as religiões e não-religiosas podem se beneficiar.)

 

  1. Pratique alguma autorreflexão. Divida sua agenda e reflita sobre como o ano passado foi para você e pelo que você é grato. Tem alguém para quem você precisa se desculpar? Faça as pazes para não levar a negatividade persistente ao novo ano.

  2. Prepare-se para definir intenções. Considere quais esperanças e metas você tem para o próximo ano e o que precisa mudar para chegar até você

  3. Deixe ir. Rosh Hashaná é um ótimo momento para dizer adeus a velhos hábitos e posses que podem estar atravancando seu espaço físico e espiritual.

  4. Liste seus objetivos. Anote-os e coloque-os em uma agenda ou até mesmo na porta da geladeira, onde você pode vê-los todos os dias.

  5. Agora comemore! Encontre algo que fala com você e convide um amigo para festejar a chegada do ano novo em boa companhia.

 

E me despeço desejando um Shana Tová ( שנה טובה) a todos! —Saudação tradicional do Rosh Hashaná que significa “Bom ano”

 

Talita Sara


Comments (4)

  1. 2 meses atrás

    Lucas Carvalho

    Responder

    Você fez um assunto que eu nunca tive o menor interesse parecer incrível, a forma simples e inteligente que você escreve faz dar curiosidade de ler o resto e adquirir o conhecimento que você expressa ali… Excelente post Parabéns. Vou ler todos os outros.

    1. 2 meses atrás

      Talita

      Talita

      Responder

      Muito obrigada Lucas, por sua avaliação, me dá mais motivação em continuar escrevendo sobre aquilo que gosto tanto 🙂

  2. 2 meses atrás

    Michel

    Responder

    Muito bom Talita, parabéns pelo artigo.

    1. 2 semanas atrás

      Talita

      Talita

      Responder

      Muito obrigada, Michel 🙂


Comentário


Copyrights © 2017 - Todos os Direitos Reservados. | UpOne Soluções Inteligentes

%d blogueiros gostam disto: